A escolha do Fotógrafo- Porque é tão importante?! Dicas básicas.

SONY DSC

Quando decidimos casar, uma das primeiras coisas que comecei a pesquisar foi o fotógrafo. Não sei vocês, mas considero um dos itens mais importantes do casamento mais que o noivo! 😛 🙂  .

Pára pra pensar: Casamento, via de regra, é para ser só uma vez na vida.

No dia, imagino eu, é tudo tão corrido que você não vai ter tempo de olhar atentamente todos os detalhes: as flores, a decoração, a reação dos convidados, os momentos micos da pista de dança, a entrada dos padrinhos (não esqueça que, via de regra, a noiva é a última a entrar!) e por aí vai…

keep-calm-noiva-se-arrumandoAinda, você se preparou toda, fez dieta, comprou vestido novo, sapato novo, fez cabelo, maquiagem, unha, sobrancelha, massagem, etc, etc, etc, no mínimos as fotos devem ser dignas dessa beleza toda. Além disso, tem o noivo todo na elegância, o que também não é todo o dia que a gente vê (vide o meu que adora andar de bermuda e havaianas pela casa)…

A verdade é que a principal lembrança que você vai ficar são as fotos daquele dia especial.

Convites a maioria dos convidados joga fora (sim, minha amiga, essa é a dura realidade!). Lembrancinha a maioria dos convidados esquece na gaveta/lixo (sim, estou sendo má!). Bolo quase todo mundo come, isso se come, e depois esquece. Mas o que todo mundo gosta de olhar? As fotos do casamento. É através delas que se revive aquele momento super bacana e você não vai querer que esse momento seja estragado porque o fotógrafo era ruim, te deixou desfocada, com a cara branca, pegou os piores ângulos, os noivos de olhos fechados ou apareceu bêbado no dia do seu casamento (sim, isso aconteceu com a minha mãe!).

Tudo isso explica o porquê de eu, de cara, sair atrás exaustivamente do fotógrafo (juntamente com a definição do lugar). O que eu aprendi com essa busca toda compartilho com vocês.

Quando contratar

1003FAQ10Os melhores profissionais tem a agenda ocupada muitas vezes com mais de um ano de antecedência. Então se você sonha com determinado profissional o procure o quanto antes. Se morreu de amores por determinado fotógrafo, defina assim que possível. A maioria dos profissionais não reserva data, somente o faz se já tiver, no mínimo, o contrato assinado.

Estilo de foto

Você precisa se identificar com o tipo de foto que cada profissional bate: alguns preferem fotos com menos luz, outros com mais; uns se apegam mais aos detalhes, outros à movimentação geral da festa; tem fotógrafos que trabalham no estilo de fotos posadas (aquele estilo tradicional, em que vc vai na mesa dos convidados, bate foto, blá, blá, blá), outros trabalham com o estilo de fotojornalismo (que dá preferência às fotos espontâneas); alguns retocam mais as fotos digitalmente, outros menos.

E não precisa ser nenhum expert em fotos para entender o que estou dizendo. Se você prestar atenção nas fotos que o próprio fotógrafo posta no seu blog ou site você já começa a se dar conta dessas características. Por exemplo, quando estava pesquisando vi a página de um fotógrafo bem conceituado (e caro) que a maioria das fotos postadas no blog eram escuras demais para o meu gosto; outro na maioria das fotos “posadas” dos noivos, eles estavam olhando para cima, no melhor estilo “a frente e avante”; outro (bem caro) retocava demais as fotos no photoshop (não sei vocês, mas eu quero parecer eu mesma nas minhas fotos de casamento…)

Melhores ângulos são tudo! :)
Felicidade aparecendo na foto é tudo de bom!!!! 🙂

Afinidade com o profissional

Se você, como eu, não é a Gisele Bündchen que fica bem até em foto 3X4, precisará ter afinidade com o profissional que irá contratar.

Por exemplo, no meio da procura descobri que eu me sentiria mais confortável se contratasse uma profissional mulher para bater as minhas fotos (vai entender…). Se você se sente à vontade com o fotógrafo, a probabilidade de ter fotos lindas aumenta, pois óbvio ninguém fica bonito se sentido desconfortável.

Por isso, converse, converse e converse, com o profissional que você está querendo contratar. Isso também vai te ajudar a ver  o quão sério ele é e o quanto está disposto a participar desse dia único para você.

MG_4475

Discuta e desconfie dos valores

Essa foi uma das principais lições que eu aprendi. Não se desespere no primeiro orçamento recebido, mesmo se for do fotógrafo dos seus sonhos! A maioria dos profissionais está disposto a negociar com você valores e forma de pagamento, já que muitas vezes o pacote incluiu uma série de itens, que em último caso, você pode deixar para depois, como o álbum de casamento (sim, o álbum é bem caro), ensaios e coisas do tipo.

No meu caso específico, se tivesse que fazer uma escolha, preferia ficar com as fotos em alta resolução, por exemplo, do que com o álbum.

Assim, não infarte no primeiro orçamento recebido. Marque com o fotógrafo e tenha uma conversa sincera sobre a sua real possibilidade de pagamento e o que ele pode fazer por você. Se der para fechar dentro do orçamento, ok. Se não der, ok também, pelo menos você tentou.

01022012111752fotografiaE por fim, quanto ao quesito preço, desconfie de profissionais que cobram muito abaixo do valor de mercado, ou te pressionam a fechar o contrato logo. Explico.

O maquinário que envolve a profissão de fotógrafo é bastante caro. Quanto melhor o equipamento, máquinas, lentes, cartões de memória (leia o meu post aqui sobre a patagônia), número de profissionais que estarão no evento, computador, programas de edição, etc, mais caro ele é, e isso é um fato que nenhum profissional consegue fugir.

Assim, se o fotógrafo estiver cobrando um valor muito abaixo dos de mercado, pode significar que ele não tem um material tão bom quanto os demais, o que influencia sim na qualidade final das fotos. Então, pesquise e pergunte exaustivamente sobre o trabalho do profissional (sim, a internet e ele estão ali para isso). Peça, sem medo de ser feliz, para olhar outras fotos que não aquelas publicadas no blog ou que estejam em outros álbuns que não aqueles que ficam na sala de espera para todos olharem. Faça valer o seu rico dinheirinho e só contrate se tiver segura do que está fazendo, pois da mesma forma que temos profissionais ótimos no mercado, também temos os picaretas (como eu tudo no mundo).

No próximo post foi falar um pouco dos fotógrafos que pesquisei em Floripa, para te ajudar a escolher, e conto pra vocês o profissional que eu contratei.  🙂

Até a próxima. 🙂

2 comentários sobre “A escolha do Fotógrafo- Porque é tão importante?! Dicas básicas.

  1. Pingback: Onde está a Carol??? | Carol na Web

  2. Pingback: O que deu certo no casamento- A Fotografia | Carol na Web

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s