Deu pra ti, baixo astral, vou para Porto Alegre, tchau! :) Dicas Básicas

Se alguém souber de quem é a foto, please, aos Comentários! :)

Quando eu ando assim meio down
Vou pra Porto e bah! Tri legal
Coisas de magia, sei lá
Paralelo 30…

E ao “som” de Kleiton e Kledir, com o clássico “Deu pra ti” (não conhece??? 😮 😮 vai aqui!), que começo esse post para falar um pouco sobre Porto Alegre, porque uma cidade que tem tantas músicas e até poema de Mario Quintana em sua homenagem, merece um minutinho da sua atenção! 🙂

Localizada no Paralelo 30 a cidade de Porto Alegre, capital do Estado do Rio Grande do Sul, costuma ser a porta de entrada dos turistas que vem conhecer o frio de Gramado e Canela, os vinhos da Serra Gaúcha ou os belos Cânions dos Campos de Cima da Serra. Mas a cidade reserva gratas surpresas para os turistas menos apressados que reservam algum tempo para a minha cidadezinha! Mas vamos começar por partes:

a) Quando ir: Porto Alegre é uma cidade que tem estações bem definidas, talvez influenciada pelo fato de estar a beira do rio, lago, estuário, jamais saberemos ao certo Guaíba. Ou seja, no inverno faz frio de verdade e no verão faz calor de verdade tb 🙂 . Em especial em relação ao inverno, época que os turistas buscam mais a cidade, vem acontecendo, nos últimos anos, de em algumas semanas fazer um calorão (20 e muitos graus) , chover pra caramba, e na semana seguinte um “frio de renguear cusco”, com o termômetro batendo abaixo do 10 graus.

Na minha modesta opinião a cidade se torna especialmente interessante no Outono (abril e maio), onde os dias são limpos e claros, a temperatura é agradável, o vento é gostoso e passear pela cidade se torna uma delícia. Aliás, eu acho que todo mundo fica mais feliz nessa época do ano em Porto Alegre! 🙂

O cais do porto em um dia especialmente arrumado. Linda foto de Helena Braga
O cais do porto em um dia especialmente arrumado. Linda foto de Helena Braga.

A quem goste também da Primavera, já que, embora seja um período mais chuvoso, os Ipês da cidade florescem enchendo a vista dos transeuntes.

Olha que lindo os Ipês! Foto: Dionísio Weschenfelder
Olha que lindo os Ipês na Foto de Dionísio Weschenfelder!! 🙂

b) Como chegar e como se locomover: 

De avião: Hoje diversas Cia aéreas voam para Porto Alegre, inclusive Cias internacionais  (Tam, Gol, Azul, Avianca, Copa Airlines, Aerolineas Argentinas, Taca, American Airlines, só para citar algumas que me lembro de cabeça).

Aeroporto! Foto aqui
Aeroporto! Foto aqui

Do aeroporto: O aeroporto é razoavelmente perto do centro da cidade. Pegando um táxi em bandeira 01 até o centro da cidade, a corrida sai por menos de R$ 30,00. Em bandeira 02 (horário noturno) o valor sobe para cerca de R$ 40,00.

Outra opção mais econômica para quem quer chegar ao centro, é pegar o aeromóvel (sim! Depois de 30 anos, Porto Alegre tem um aeromóvel!!! 🙂 🙂 🙂 ) no aeroporto, descer na estação do Trensurb e dali pegar o trem até o Centro (a estação final é em frente ao Mercado Público).  Valor total da aventura: R$ 1,70.

aeromovel

Em tempo: O aeromóvel está em período de teste até o final de outubro de 2013. Assim, durante este período, estará funcionando somente nos dias úteis, das 10h00min até às 16h00min. A partir de novembro, passará a atender das 05h00min até às 23h20min. 

Do Centro da cidade saem ônibus para, praticamente, toda a cidade. O valor da passagem é de R$ 2,80. Itinerários aqui.

Mercado Público de Porto Alegre e sua estação de ônibus
Mercado Público de Porto Alegre e sua estação de ônibus

Para quem tem o cartão TRI, há o sistema de passagem integrada. Se, após descer do primeiro ônibus, você subir no segundo em até 30 minutos, o segundo transporte não é cobrado. Mas atenção! Esses 30 minutos levam em conta o tempo do trajeto total que a linha de ônibus costuma realizar. Ou seja, se eu for até o final da linha, terei 30 minutos para pegar o próximo. Se eu descer antes, terei mais tempo do que os 30 minutos. Se eu pegar um engarrafamento homérico no meio do caminho, ao chegar ao final da linha, vou ter menos de 30 minutos (ou até mesmo minuto nenhum…mas essa discussão vamos deixar para outro post!).  Se você quiser fazer o TRI, tem mais informações aqui.

Quanto aos Táxis, fora dos horários de pico você não terá maiores problemas em conseguir um. Nos horários de pico (07h30min até 09h00min, 18h00min até às 19h30min em dias de semana; e no período da noite nos finais de semana), a espera pode ser longa então o melhor é agendar.  Eu costumo usar os seguintes tele-táxis: Tele-Táxi Cidade:  (51) 3223 1122 | 3223 3030 e Tele-Táxi Gaúcha: (51) 3266.3636.

Também tenho usado o serviço do Easytaxi, aplicativo bem legal para celular Iphone e Android, que localiza os táxis mais próximos de você e permite acompanhar o deslocamento em tempo real. Informações aqui.

 c) Onde ficar: Tudo vai depender de quais as razões da sua visita a Porto Alegre. Mas no geral os Bairros Moinhos de Ventos, Cidade Baixa, Bom fim, Menino Deus, Petrópolis, a região do entorno da Av. Carlos Gomes (que hoje também é chamada de Terceira Perímetral), além do próprio Centro, são todos bairros bem localizados, servidos com diversas linhas de ônibus, além de estrutura urbana, como supermercados, farmácias e restaurantes.

Moinho de Ventos. Foto Agência Zaga
Moinho de Ventos. Foto: Agência Zaga
Região da Carlos Gomes: Foto aqui
Região da Carlos Gomes: Foto aqui

Se possível, fuja dos hotéis situados no entorno da Avenida Farrapos. Isso porque, infelizmente, aquela não é uma zona bacana de caminhar, escura, com muitas casas de prostituição, e não muito segura.  Bairros como Humaitá, Rubem Berta, Sarandi, entre outros na Zona Norte da cidade também vão te deixar longe dos principais pontos turísticos da cidade, fazendo com que você perca muito tempo se transportando. Além disso, são Bairros mais industriais, sem vocação turística.

Já a Zona Sul da cidade, antes estritamente residencial, com poucas opções de comércio, nos últimos anos vem ganhando bares, restaurantes e lojas, transformando a atmosfera da região. Além disso, as ruas arborizadas e a presença próxima do Guaíba torna o um dos melhores lugares para se caminhar em Porto Alegre.

Zona Sul
Zona Sul Foto: PMPA

c) O que fazer: A cidade apresenta atrações para todos os gostos e bolsos. Desde tomar um chimarrão totalmente free na Redenção, passando por um café no museu Iberê Camargo à beira do Guaíba, chegando nos restaurantes chiques da Capital.

Foto: PMPA
Museu Iberê Camargo Foto: PMPA

Nos meses de janeiro e fevereiro ocorre o Porto Verão Alegre, com espetáculos de teatro adulto, infantil, música, dança, artes plásticas e cinema.

Em julho é a vez do Festival de Inverno, que traz até a cidade atrações musicais a preços bem camaradas.

Em agosto ocorre a Expointer, maior feira da agropecuária da América Latina, que até a Década de 60 era realizada no Bairro Menino Deus e atualmente ocorre em Esteio, cidade vizinha a Porto Alegre, cidade ligada a esta pelo Trensurb.

Em setembro, novo festival de teatro, o Porto Alegre em Cena.

No início de novembro, o Centro da cidade ganha nova cara, com o início da Feira do Livro que esse ano está na 59ª edição! Isso para citar alguns dos eventos culturais que ocorrem na cidade durante o ano.

A medida do mês vou postando aqui no blog algumas das atrações que eu acho bacana quem está vindo a cidade conhecer. Se tiverem alguma dúvida, à caixa de comentários!! 🙂 Ah! E pra terminar, o poema do Mario Quintana:

O Mapa

Olho o mapa da cidade 
Como quem examinasse 
A anatomia de um corpo… 
(É nem que fosse meu corpo!) 
Sinto uma dor esquisita 
Das ruas de Porto Alegre 
Onde jamais passarei… 
Há tanta esquina esquisita 
Tanta nuança de paredes 
Há tanta moça bonita 
Nas ruas que não andei 
(E há uma rua encantada 
Que nem em sonhos sonhei…) 
Quando eu for, um dia desses, 
Poeira ou folha levada 
No vento da madrugada, 
Serei um pouco do nada 
Invisível, delicioso 
Que faz com que o teu ar 
Pareça mais um olhar 
Suave mistério amoroso 
Cidade de meu andar 
(Deste já tão longo andar!) 
E talvez de meu repouso… 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s